Media relations / News
News
09-10-2013
A primeira unidade industrial de produção de biocombustíveis de segunda geração do mundo é inaugurada em Crescentino (Província de Vercelli, Itália)

Crescentino, 9 de outubro de 2013 – Com a presença do ministro de desenvolvimento econômico da Itália, Flávio Zanonato, e das autoridades locais (presidente da região do Piemonte, Roberto Cota; prefeito de Crescentino, Marinella Vengoni; presidente da província de Vercelli, Carlo Riva Vercellotti), foi inaugurada hoje a biorrefinaria de Crescentino, a primeira unidade industrial do mundo produtora de bioetanol a partir de biomassa não destinada a fins alimentares. Tal unidade é propriedade da Beta Renewables, a joint venture entre Biochemtex (empresa do ramo de engenharia do Gruppo Mossi Ghisolfi), o fundo americano TPG (Texas Pacific Group) e a líder mundial em bioinovação, a dinamarquesa Novozymes.